Outros conteúdos

Buscar

Dicas de culinária

Categoria: Padaria e Indústria

Investir em Pessoas Gera Negócios

Publicado em por Fleischmann

De um lado o mundo sócio-econômico e do outro o mundo sócio-espiritual. No primeiro o lucro como fim e pessoas como meio: um sistema utilitarista com objetivos imediatistas, resultados numéricos de curto prazo. De outro as pessoas como fim, “objetivos” sonhadores, inspirações utópicas e a busca pela sustentabilidade.

Empresas da era industrial buscam entender o que é responsabilidade social. ONG’s buscam profissionalizar-se e entender o que é mercado e concorrência. Empresas querem virar organizações e organizações querem virar empresas! Existe um modelo organizacional, um modelo de negócios e iniciativas, que garanta o bem estar global e o equilíbrio entre indivíduos, grupos e organizações? Que equilibre tempo e dinheiro?

A fusão destes dois mundos pode ser considerada o grande desafio atual da humanidade. Gurus do management, líderes religiosos, governo e sociedade buscam o bem-estar e o equilíbrio global. A consciência começa a sobrepor a produção e a informação como diferencial competitivo e fator de sustentabilidade. Um novo modelo organizacional está surgindo, a empresa como um sistema vivo e consciente.

Uma empresa consciente possui um projeto maior, um senso de propósito em função do qual os resultados financeiros são um indispensável meio, mas não um fim em si. Uma empresa não consciente toma seus meios por fim, o que comumente degenera em inércia, resistência as mudanças, controle excessivo e rigidez.

A empresa consciente se oferece como canal para a expressão e desenvolvimento dos potenciais humanos. O comprometimento, o engajamento e a excelência no desempenho decorrem naturalmente da identificação das pessoas com seu trabalho, o que por sua vez decorre de existir espaço nas empresas para a expressão humana. A motivação vem de dentro para fora.

Já a empresa não consciente dispõe das pessoas, ignorando suas individualidades, e procura “motivá-las” de fora para dentro, o que mesmo com as melhores intenções, acaba sendo uma forma de manipulação.

Na era da consciência empresa é entendida como ser vivo, com necessidade de conservação e diferenciação, passando por crises de mudança e correndo os mesmos riscos de morte que outras entidades físico-orgânicas (seres vivos). A diferença é que a empresa é considerada uma entidade abstrata que tem origem no mundo das idéias ou de um impulso quase sempre nobre de uma pessoa ou grupo de pessoas. Portanto não precisa necessariamente morrer, passando a ser uma entidade coletiva que, se entendida como ser vivo, consciente, pode, e deve aprender, se desenvolver e transcender no tempo.

Tosas as mudanças sociais, entre elas as organizacionais, devem ser vistas como um processo de aprendizagem e desenvolvimento acelerado e continuo. Se quisermos obter sucesso nos negócios em todos em todos os sentidos, é no ser humano que devemos investir, porque ele é a origem de todo o processo de transformação, desde um simples operário ao presidente da empresa. Se obtivemos a excelência nas pessoas, a excelência empresarial será conseqüência.

Fonte: Revista Super Padaria . Ano 1 Número 1- página 18 – Editora Maná.

O Tratamento Correto do Lixo

Publicado em por Fleischmann

Segundo as novas normas da Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária -, as padarias precisam ter um controle rígido para o armazenamento e recolhimento do lixo.

As normas de controle de qualidade e higiene em estabelecimentos que produzem e/ou manipulem alimentos estão cada vez mais rígidas, e as padarias precisam se adequar de acordo com as especificações dos órgãos fiscalizadores e reguladores. Segundo as legislações brasileiras, através da Resolução RDC 216/2005 da Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária -, e a Portaria 2.535/03 da Prefeitura de São Paulo, os proprietários, gerentes e funcionários que trabalham na linha de produção devem obrigatoriamente contribuir para a minimização dos resíduos e devem ser responsáveis pelo seu acondicionamento correto e coleta seletiva do lixo seco e do lixo orgânico.

Cada padaria precisa estar ciente das especificações da Anvisa e das Portarias Municipais dos órgãos de vigilância sanitária da cidade na qual estão localizadas.

Dicas Importantes para Resíduos Sólidos – Lixo:

  • O resíduo sólido dentro do estabelecimento deve estar acondicionado em recipientes próprios para resíduos secos e resíduos orgânicos;
  • O recipiente deve ser provido de tampa, pedal, de material de fácil limpeza, revestido com saco plástico resistente preto, esvaziado sempre que necessário;
  • O recipiente de lixo deve permanecer afastado das mesas, utensílios de preparação e da manipulação de alimentos;
  • As garrafas descartáveis devem ser armazenadas em contêiner (exclusivo para esta finalidade), dispostas de forma a não armazenar água da chuva e, posteriormente, encaminhadas para reciclagem;
  • O lixo ou resíduo pastoso e aquele que possa vazar devem ser colocados em recipiente rígido, até o momento da coleta;
  • O lixo não deve sair da área de produção pelo mesmo local onde entram as matérias-primas. Na total impossibilidade de áreas distintas, determinar horários diferenciados;
  • O lixo fora da área de produção/manipulação deve ficar em área revestida com material de fácil limpeza, provida de ponto de água, ralo, protegida da chuva, sol, moscas, roedores e outros animais e pessoas estranhas. O lixo não deve provocar odores ou incômodo aos funcionários, clientes e vizinhança;
  • Os óleos usados em frituras (sobras sem condições de uso) devem ser acondicionados em recipientes adequados com tampa e identificados como produto impróprio para consumo e a sua retirada deve ser realizada por empresa especializada em reutilização (reciclagem deste óleo);
  • Acima de sete sacos de lixo diário é obrigatório ter uma empresa especializada na retirada deste lixo;
  • É necessário ter um local específico e identificado para armazenamento destes lixos ou ter uma câmara específica para armazenamento do lixo.

Divulgue o horário de sua Produção

Publicado em por Fleischmann

Produtos quentinhos deixando seu aroma em todo o ambiente são elementos importantes para que o cliente volte sempre para comprar na sua padaria. Então vamos propor que você incentive seus clientes a saber qual o horário de sua produção. Você pode até pensar que todos sabem, mas se testar verá que isto não corresponde à realidade.

A dica é fazer com que o cliente guarde estes horários participando de uma divertida promoção. Selecione um cliente qualquer e anuncie que ao responder corretamente a uma pergunta ele ganhará 10 franceses gratuitamente e faça a pergunta: em quantos minutos sairá a próxima fornada?

O cliente ou clientes (pode ser mais de um) selecionado anota sua resposta e em seguida você o convida para visitar a área de produção da sua padaria. Ao retornar, você lê a resposta e se ele acertar, toque um sino ou faça algum som diferente, de modo que todos no ambiente percebam o que está acontecendo. Fazendo isto várias vezes na semana, após duas semanas muitos clientes já saberão de cor o horário para comprar o pão quentinho. Não esqueça de dar um capricho na área da produção antes do cliente visitá-la. Você também pode adaptar esta idéia para outros produtos.

Lembre-se, o segredo de uma promoção é despertar no seu cliente o interesse em voltar a sua padaria.

Adote um Jardim

Publicado em por Fleischmann

Todo comércio tem de atender a leis e regulamentos que regem sua atividade. Isto normalmente causa um distanciamento do comércio em relação ao poder público, pois normalmente só se relacionam para ações de fiscalização ou para pagamentos de impostos e tributos.

No entanto, existem algumas ações que podem criar um relacionamento mais favorável, independentemente da linha política que esteja no poder. São ações de cunho social ou comunitário que irão auxiliar a condução da administração pública e que permitirão uma exposição de seu negócio junto à comunidade onde você atua.

Quer uma idéia? Adote uma praça. Pode ser um canteiro ou um jardim. Solicite à Prefeitura que o autorize a fazer a manutenção do local em troca de uma pequena placa que mostre o que você está fazendo pela sua cidade. Escolha um local bem próximo de onde está instalado e capriche na execução. Você poderá pensar que o custo será alto, mas compare com o custo de manter uma divulgação constante em um local público e de forma permanente. Considere também a excelente imagem que você irá obter junto aos seus clientes.

Por último você não pode esquecer de divulgar esta ação para seus clientes, pois isto também irá acrescentar mais valor à sua iniciativa.

Marketing Fachada da Padaria

Publicado em por Fleischmann

Todo comerciante sabe a importância de ter uma fachada bem identificada, iluminada e limpa, mas na prática, depois de ler esta dica, vai ter muita gente correndo para verificar como está a sua “cara”.

Normalmente, fazemos nosso asseio matinal e saímos para nossos afazeres. Ao depararmos com um vizinho, amigo ou colega de trabalho, percebemos que sua fisionomia não está bem e ficamos com a sensação de que algo não está como deveria. Esta impressão muitas vezes não corresponde à realidade, mas como o contato foi rápido e não pudemos fazer uma boa avaliação, pré-julgamos pela primeira impressão.

Vamos imaginar o cliente chegando à nossa padaria e percebendo que existe sujeira na entrada, que a nossa fachada está descascando ou deteriorada, que o nosso luminoso está com defeito, que a faixa promocional está suja e mal colocada. Qualquer um dos itens acima já será suficiente para passarmos uma imagem desfavorável e, mesmo sem perceber, o cliente poderá associá-la aos produtos que fabricamos. Lá se foi todo o esforço de qualidade pelo ralo, e você nem consegue entender por que suas vendas estão diminuindo se a qualidade do seu produto continua ótima.

Não espere mais! Vá correndo à entrada de sua padaria e faça uma avaliação minuciosa de sua fachada. Seja bem crítico e, se desejar ser mais rígido, pergunte a cinco clientes diferentes o que eles acham da sua fachada nos aspectos referentes a limpeza e aparência em geral.

Manter a “cara limpa” é obrigação do bom comerciante.

Caderno de Satisfação do Cliente

Publicado em por Fleischmann

Manter seu cliente satisfeito é um dos itens mais importantes do seu negócio.
Satisfeito, ele volta a comprar e a dar lucro para você. Satisfeito, ele indica sua padaria e elogia seus produtos a outros clientes e vizinhos. Mas para ter certeza de como seu cliente está se sentindo, faça uma pesquisa anotando tudo o que ele diz sobre sua padaria e seus produtos.

Para não perder esta valiosa informação, crie o Caderno de Satisfação do Cliente.

Neste caderno, de preferência com espiral para poder retirar páginas sem provocar danos, anote sempre o dia e a hora em que o cliente respondeu a alguma pergunta sua ou se deu espontaneamente uma sugestão.

Amarre uma caneta ao caderno e siga as recomendações abaixo:.

  • Escolha um cliente diferente por dia e faça 3 perguntas:
  • O que o senhor ou senhora mais gosta na minha padaria?
  • Qual o produto que o senhor ou senhora compra normalmente?
  • Tem alguma sugestão a fazer?
  • Antes de perguntar, anote o dia e hora. Anote também se foi pesquisa sua, sugestão do cliente ou reclamação.
  • Deixe o caderno sempre à mão e no mesmo lugar. Lembre-se que as sugestões e reclamações devem ser anotadas rapidamente senão cairão no esquecimento.

Esta sugestão não custa caro, é prática e vai fazer você conhecer melhor seu cliente.

Em breve estaremos sugerindo outras perguntas e ações para seu Caderno de Satisfação do Cliente.

Conhecendo seu Mercado

Publicado em por Fleischmann

Normalmente achamos que conhecemos o mercado em que estamos localizados, mas será que isso é verdadeiro? Vamos testar.

  • Em quantos locais seus clientes podem comprar produtos idênticos ao que você ofereçe num raio de 100 metros ao seu redor?
  • Quantos prédios com mais de 20 famílias existem num raio de 200 metros ao seu redor?
  • Quantos mercadinhos ou supermercados existem a 300 metros de minha padaria?
  • Qual a distância que meu cliente percorre para comprar em minha padaria?
  • Quantas panificações existem ao meu redor?

A dica para facilitar sua vida e ampliar sua visão do mercado a sua volta é simples.
Se existir um guia de ruas de sua cidade, localize seu endereço e tire uma cópia.
Se não existir um guia pronto, perca um tempinho e faça o mapa você mesmo, anotando os nomes das ruas. Faça um círculo em volta de sua localização, imaginando que seja equivalente a 500 metros.

Leve esta cópia marcada para a rua e caminhe anotando tudo que encontrar de importante (prédios altos, condominios, escolas, fábricas, comércio local com tipo de atividade e tempo de existência) ou que possa influenciar nas vendas de sua padaria.

Retorne a sua empresa e comece a pensar nas várias opções para aumentar suas vendas a partir do que viu nas ruas ao redor. Guarde suas anotações e faça um ” passeio” desses uma vez por mês.
Você vai se surpreender com a quantidade de idéias que terá para aumentar suas vendas.

Limpando a Área

Publicado em por Fleischmann

O merchandising é uma atividade muito trabalhada pelas empresas para promover seus produtos no ponto-de-venda. Ponto-de-venda é a sua panificação.

Para atrair este tipo de iniciativa, é necessário que suas instalações estejam em boas condições de arrumação, pois o objetivo final dos fabricantes é atrair fregueses de forma que comprem mais produtos e aumentem o giro em sua loja. A opção desses fabricantes sempre recai nas panificações mais bem organizadas.

Da mesma forma você pode trabalhar estes mesmos conceitos para ampliar a compra dos produtos produzidos na sua padaria. Como?

Mantenha suas instalações sempre limpas. Seja detalhista e exagerado neste item. Mesmo em locais de renda baixa, o fato de sua padaria estar sempre um ” brinco ” demonstra respeito pelo cliente e provoca nele a vontade de voltar. Balcões onde são expostos os produtos devem estar com todos os cantinhos limpos. O chão da padaria deve estar sempre sendo varrido ou limpo com água misturada a um detergente. Faça disso um hábito e seus clientes vão perceber a diferença.
Use sempre um detergente com perfume suave ou sem cheiro para não alterar o aroma característico da produção de pães.

Muitos outros itens e ações podem ser feitos nesta área. Vamos abordar outras dicas tratando suas instalações e a possibilidade de usá-la para ações de merchandising.

Prevenindo Insetos Voadores

Publicado em por Fleischmann

Um cliente da Fleischmann seguiu uma dica anterior, fez o “Caderno de Satisfação” para seus clientes e recebeu uma sugestão bem prática para evitar que insetos voadores pousem nos pães expostos em cestos ou nos balcões.

É simples! Você pode utilizar tecidos como filó sobre os cestos em que ficam os produtos. Esse tipo de tecido pode ser lavado, é barato e ainda mais: permite que o cliente visualize o pão e que o aroma do produto continue a se espalhar por sua padaria.

Se tiver paciência, pode amarrar o tecido na parte de trás da cesta. Assim, mesmo com movimentos constantes, o tecido ficará preso.

Mais uma vez, podemos afirmar: Escutar o que nosso cliente tem a dizer é muito positivo e ainda nos auxilia na melhoria contínua de nossos serviços.

Continue a usar o “Caderno de Satisfação do Cliente” e, se desejar, nos envie mais sugestões.

Exposição de Produtos

Publicado em por Fleischmann

A arrumação dos produtos que ficam em exposição para o consumidor deve ser alvo de muita atenção.

Por quê? Em que momento o cliente decide comprar o seu produto?

É, você acertou. Quando ele vê seu produto exposto, quando ele sente o aroma do produto, quando ele está dentro do seu estabelecimento. Então, vamos caprichar, pois todo o seu esforço para fazer produtos de qualidade pode ficar comprometido se o cliente não puder fazer uma avaliação positiva do que vai comprar.

Por isso, sugerimos que você siga alguns pontos fundamentais para a exposição de seus produtos:

  1. Não deixe produtos jogados sobre os balcões. Providencie cestas de exposição ou prateleiras, de forma que possa mostrar ao cliente que você valoriza o que faz.
  2. Fique na mesma posição do cliente e verifique se a arrumação dos produtos está permitindo boa visualização.
  3. Verifique se a iluminação é suficiente para cada expositor de produto.
  4. Proteja os produtos, a fim de evitar insetos e manuseio desnecessário.
  5. Substitua produtos com aspecto envelhecido ou danificado.

Pense bem: Você gostaria de comprar produtos amassados, jogados, de aspecto duvidoso ou colocados em ambientes sujos? Então, mãos à obra!

E lembre-se: Investir na exposição dos produtos significa demonstrar aos seus clientes o valor que você dá aos produtos que faz.